Espaço Memória dos Exílios

Horário Fechado
Fechado
Seg - Sex: 10:00-13:00, 14:00-18:00
Sáb - Dom: Fechado
Morada[ + info ]
NomeEspaço Memória dos ExíliosMorada

Av. Marginal, n.º 7152
2765-259 Estoril

FreguesiaCascais e EstorilGeolocalização38.703632,-9.39638 (abrir mapa)

Av. Marginal, n.º 7152
2765-259 Estoril

Preço

Gratuito

Descrição

Situado no centro do Estoril, no piso superior da Estação dos Correios, o Espaço Memória dos Exílios está instalado num edifício datado de 1942, da autoria do arquiteto modernista Adelino Nunes.

Inaugurado em fevereiro de 1999, tem como objetivo principal a evocação da memória de um dos acontecimentos mais relevantes da história do concelho: ter representado um local de refúgio, espera e passagem de milhares de exilados e refugiados no contexto dos conflitos europeus - a Guerra Civil de Espanha e a Segunda Guerra Mundial.

A partir de 1936 e até pelo menos 1962, estadistas, reis, escritores, artistas, intelectuais, espiões, homens de negócios, mas também milhares de pessoas anónimas encontraram na então chamada Costa do Sol, no eixo Cascais-Estoril, o refúgio e a paz tão ausente numa Europa em guerra. Se Lisboa representava o cartaz de Portugal, o Estoril era ainda o melhor cartaz de Lisboa.

Com uma significativa rede organizada de hotéis e pensões, era uma estância cosmopolita, onde desfrutava os regalos do ócio e da fortuna. Disputava as primazias a qualquer estância da Riviera francesa. Não lhe faltava um bom Casino, um belo Parque recamado de flores, belas praias com vários atrativos de diversão, Golfe, Picadeiro, Carreira de Tiro, Piscina das Termas, Ténis, Cinema, música e sobretudo, a luz de um Portugal em paz.

O Espaço Memória dos Exílios preserva no núcleo da exposição permanente, parte da memória de exilados famosos e anónimos que a vaga de refugiados do conflito europeu trouxe à região e ao país contextualizado na história da localidade durante dos anos 40. Baseia-se em fotografias, objetos e documentação da época, permitindo a todos os interessados por esta matéria, novos contributos de informação.

Para além do núcleo de exposição permanente, dispõe ainda de uma espaço para exposições temporárias e uma biblioteca especializada em História Contemporânea aberta ao público para consulta, com enfase para as temáticas relacionadas com a Guerra Civil de Espanha, Segunda Guerra Mundial, Holocausto, Exílios, Judeus e Estado Novo.

Mais informação em cultura.cascais.pt

acontece aqui...

25 Maio - 31 Dez'20
Histórias Desconfinadas